—– O ano de 2015 —–

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014 por Bruno Rodrigues

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Categoria: Sem categoria, arquitetura da informação, comunicação digital, conteudo, curso, ebook, editora atlas, escrever, escrita, intranet, livro, marketing, portal, portal corporativo, redação, treinamento, usabilidade, webwriting

Webwriting no estande Atlas

Não posso me queixar: em 2014 lancei meu novo livro ‘Webwriting – Redação para a mídia digital’ (editora Atlas, nos formatos papel e digital), completei 50 empresas na lista de clientes de treinamentos in-company e consultorias – já estou na 51a! – e continuei a ministrar cursos abertos em Webwriting e Arquitetura da Informação a distância e presenciais (São Paulo, Curitiba e Rio de Janeiro).

Muito orgulho!

Este ano minha parceria com o iMasters, que já acontece com os cursos a distância, ao vivo e em vídeo ‘Webwriting’ e ‘Arquitetura da Informação’ – e também com a coluna ‘Sr. Conteúdo’ na revista impressa -, toma força ainda maior: em junho começo a oferecer o curso ‘Portais Corporativos’, voltado para quem produz conteúdo para intranets.

‘Portais Corporativos: como planejar o conteúdo de sites intranet’ será oferecido sob demanda, ou seja, você inicia o curso (que, assim como os outros, é em vídeo) quando desejar e assiste de acordo com sua agenda, sempre com o acompanhamento do professor (aquele que vos escreve!). Mais confortável, impossível.

Abaixo, você encontra links para as livrarias que oferecem meu novo livro, os textos que publico na ‘Revista iMasters’ e o calendário de cursos, ok? Qualquer dúvida, é só falar!

************************************************************************************************************************************************************************************************

======= Onde você encontra ‘Webwriting – Redação para a mídia digital’

Saraiva

Cultura

Livraria da Travessa

Editora Atlas (formatos papel e digital)

======= Meus textos da ‘Revistas iMasters’

Bruno Rodrigues

======= Calendário de cursos

Curso ‘Arquitetura da Informação‘ [a distância]8 de abril (6 aulas, sempre às quartas-feiras, das 19h30 às 21h)

Será a 4a turma do meu curso ‘Arquitetura da Informação’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, valores e informações gerais em breve no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br

Curso ‘Webwriting’ [Curitiba] - 15 de maio (sexta-feira – intensivo de 8 horas)

Será a 4a turma do meu curso ‘Webwriting’ em Curitiba, em parceria com o Instituto Faber-Ludens. O  ‘minicurso’, além de abordar os princípios do Webwriting e os elementos da informação para a mídia digital (texto, imagem, áudio e vídeo), apresentará boas práticas em Marketing de Conteúdo, SEO (Otimização para Sistemas de Busca), UsabilidadeDireito DigitalAcessibilidadeMídias SociaisStorytelling.

Ementa, valores e informações gerais estarão em breve no site do Instituto Faber-Ludens. Se desejar, envie desde já um email para contato@faberludens.com.br,

Curso ‘Portais Corporativos’ [a distância] A partir de 1 de junho estará disponível para compra

Voltado para quem trabalha ou deseja trabalhar com conteúdo para intranets, o curso – em vídeo – é assíncrono, ou seja, você o inicia o curso quando desejar e assiste as aulas de acordo com a sua agenda. Dentre as 52 empresas que atendi até agora, cerca de 40 me contrataram para treinar suas equipes de produção de conteúdo para Portais Corporativos.

Ementa, valores e informações gerais estarão em breve no site do iMasters. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

Curso ‘Webwriting’ [São Paulo] 18 de julho (sábado – intensivo de 8 horas)

Será o retorno de meu curso a São Paulo, após 80 edições no Rio. A ementa aborda assuntos  como Marketing de Conteúdo, SEO (Otimização para Sistemas de Busca), UsabilidadeDireito DigitalAcessibilidade eMídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Ementa, valores e informações gerais estarão em breve no site do iMasters. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

Curso ‘Webwriting‘ [a distância]2 de setembro (6 aulas, sempre às quartas-feiras, das 19h30 às 21h)

Será a 7a turma do meu curso ‘Webwriting’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, valores e informações gerais estarão em breve no site do iMasters. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

—– Agosto e setembro: cursos no Rio e a distância & lançamento de ‘Webwriting’ na Bienal de São Paulo —–

segunda-feira, 30 de junho de 2014 por Bruno Rodrigues

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Categoria: Sem categoria, arquitetura da informação, comunicação digital, conteudo, curso, ebook, editora atlas, escrever, escrita, intranet, livro, marketing, portal, redação, treinamento, usabilidade, webwriting

Meu novo livro ‘Webwriting – Redação para a mídia digital’ (Editora Atlas) será lançado em São Paulo durante a Bienal do Livro, no dia 30 de agosto (o primeiro lançamento foi no Rio, em maio). Quando estiver mais próximo, publico aqui o horário, ok? Espero ver você por lá!

‘Webwriting’ foi publicado nos formatos impresso e digital, e você os encontra nos sites da Saraiva, Livraria Cultura, Livraria da Travessa e no site da editora, a Atlas (aqui em e-book e papel). Boa leitura!

Meu próximo curso a distância também será em agosto: ‘Arquitetura da Informação’ começa no dia 13. Ele será ao vivo e em vídeo, via ambiente de aprendizagem do iMasters PRO. Serão 6 aulas.

O próximo curso presencial será no Rio: ‘Webwriting’ (intensivo) acontece na FACHA no dia 13/09. Em outubro será a vez de Curitiba – os links para os cursos estão logo abaixo. São Paulo ficou para 2015 :-)

E então, nos encontramos neste segundo semestre?

***********************************************************************

Calendário de cursos

===== Segundo semeste de 2014 =====

Curso ‘Arquitetura da Informação‘ [a distância]13 de agosto a 17 de setembro (6 aulas, sempre às quartas-feiras, das 19h30 às 21h)

Será a 3a turma do meu curso ‘Arquitetura da Informação’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais em breve no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br

Curso ‘Webwriting’ [Rio de Janeiro] - 13 de setembro (sábado – intensivo de 8 horas)

Será a 77a edição no Rio, agora também abordando assuntos  como SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Para mais informações, envie um email para extensao@facha.edu.br.

Curso ‘Webwriting‘ [a distância]15 de outubro a 26 de novembro (6 aulas, sempre às quartas-feiras, das 19h30 às 21h)

Será a 6a turma do meu curso ‘Webwriting’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

Curso ‘Webwriting’ [Curitiba] - 24 de outubro (sexta-feira – intensivo de 8 horas)

Será a 4a turma do meu curso ‘Webwriting’ em Curitiba, em parceria com o Instituto Faber-Ludens. O  ‘minicurso’, além de abordar os princípios do Webwriting e os elementos da informação para a mídia digital (texto, imagem, áudio e vídeo), apresentará boas práticas em Marketing de Conteúdo, SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade, Mídias Sociais e Storytelling.

Ementa no site do Instituto Faber-Ludens. Se desejar, envie desde já um email para contato@faberludens.com.br.

—– Rio de Janeiro: lançamento de meu novo livro ‘Webwriting’ —–

terça-feira, 6 de maio de 2014 por Bruno Rodrigues Categoria: Sem categoria

Amigos, segue o convite para o lançamento de meu novo livro ‘Webwriting’ no Rio de Janeiro: Livraria da Travessa da Sete de Setembro, dia 20, a partir das 17h. Em tempo: o lançamento em São Paulo será dia 30/08, durante a Bienal do Livro SP, ok?

Convite_Travessa

—– Contando os dias para o lançamento de meu novo livro ‘Webwriting’! —–

terça-feira, 15 de abril de 2014 por Bruno Rodrigues Categoria: arquitetura da informação, comunicação digital, conteudo, curso, ebook, editora atlas, escrever, escrita, intranet, livro, marketing, portal, redação, treinamento, usabilidade, webwriting

Teaser de meu novo livro ‘Webwriting – Redação para a mídia digital’, que será lançado em maio pela Editora Atlas.

‘Webwriting – Redação para a mídia digital’ é o terceiro da série que iniciei em 2000 com ‘Webwriting – Pensando o texto para a mídia digital’ (Editora Futura/Siciliano, o primeiro em língua portuguesa sobre o assunto! [esgotado]) e dei continuidade em 2006 com ‘Webwriting – Redação & informação para a web’ (Editora Brasport [também esgotado].

Aguarde!

teaser_BrunoRodrigues_vs2-3

—– Capa de meu novo livro ‘Webwriting’ —–

quinta-feira, 20 de março de 2014 por Bruno Rodrigues

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Categoria: arquitetura da informação, comunicação digital, conteudo, curso, ebook, editora atlas, escrever, escrita, intranet, livro, marketing, portal, redação, treinamento, usabilidade, webwriting

Pronto: saiu a capa de meu novo livro ‘Webwriting – Redação para a mídia digital’, que será lançado em maio pela Editora Atlas :-)

‘Webwriting – Redação para a mídia digital’ é o terceiro da série que iniciei em 2000 com ‘Webwriting – Pensando o texto para a mídia digital’ (Editora Futura/Siciliano, o primeiro em língua portuguesa sobre o assunto! [esgotado]) e dei continuidade em 2006 com ‘Webwriting – Redaçãunicação digital conteudo curso intranet marketing portal treinamento usabilidade webwriting ebook editora atlas escrever escrita livro redaço & informação para a web’ (Editora Brasport [também esgotado]).

Há lançamentos planejados para as cidades onde a editora possui escritórios - no Rio será no final de maio -, mas as datas certas ainda serão definidas.

O novo livro será lançado para as duas plataformas, impressa e digital – tem para todos os gostos, portanto ;-)

Capa_Wbw3_Atlas

Meu novo livro ‘Webwriting’ sai em maio + calendário de cursos em 2014

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 por Bruno Rodrigues

Tags: , , , , , , , ,

Categoria: arquitetura da informação, comunicação digital, conteudo, curso, intranet, marketing, portal, treinamento, usabilidade, webwriting

Boa notícia: em maio sai pela Editora Atlas meu novo livro ‘Webwriting – Redação para a mídia digital’ :-) A imagem abaixo, do fotógrafo Celso Pupo, ilustra a contracapa.

‘Webwriting – Redação para a mídia digital’ é o terceiro da série que iniciei em 2000 com ‘Webwriting – Pensando o texto para a mídia digital’ (Editora Futura/Siciliano, o primeiro em língua portuguesa sobre o assunto! [esgotado]) e dei continuidade em 2006 com ‘Webwriting – Redação & informação para a web’ (Editora Brasport [também esgotado]).

O novo livro será lançado para as duas plataformas, impressa e digital – tem para todos os gostos, portanto ;-)

Há lançamentos planejados para as cidades onde a editora possui escritórios, mas as datas só serão anunciadas em maio.

Em breve volto para falar mais sobre o conteúdo do livro, ok?

Mas, desde já, você já pode colocar ‘Webwriting – Redação para a mídia digital’ em sua lista de leituras para este primeiro semestre ;-)

P.S. Abaixo também está o calendário de meus cursos em 2014, ok?

Foto_PB

***********************************************************************

Calendário de cursos

===== Primeiro semeste de 2014 =====

Curso ‘Webwriting’ [Curitiba] - 23 de maio (sexta-feira – intensivo de 8 horas)

Será a 4a turma do meu curso ‘Webwriting’ em Curitiba, em parceria com o Instituto Faber-Ludens. O  ‘minicurso’, além de abordar os princípios do Webwriting e os elementos da informação para a mídia digital (texto, imagem, áudio e vídeo), apresentará boas práticas em Marketing de Conteúdo, SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade, Mídias Sociais e Storytelling.

Ementa no site do Instituto Faber-Ludens. Se desejar, envie desde já um email para contato@faberludens.com.br.

===== Segundo semeste de 2014 =====

Curso ‘Arquitetura da Informação‘ [a distância]13 de agosto a 10 de setembro (5 aulas, sempre às quartas-feiras, das 19h30 às 21h)

Será a 3a turma do meu curso ‘Arquitetura da Informação’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais em breve no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br

Curso ‘Webwriting’ [São Paulo] - 29 de agosto (sábado – intensivo de 8 horas)

Será o retorno de meu curso a São Paulo, após quase 80 edições no Rio. A ementa aborda assuntos  como Marketing de Conteúdo, SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Curso ‘Webwriting’ [Rio de Janeiro] - 13 de setembro (sábado – intensivo de 8 horas)

Será a 77a edição no Rio, agora também abordando assuntos  como SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Para mais informações, envie um email para extensao@facha.edu.br.

Curso ‘Webwriting‘ [a distância]15 de outubro a 12 de novembro (5 aulas, sempre às quartas-feiras, das 19h30 às 21h)

Será a 6a turma do meu curso ‘Webwriting’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

Quase 200, quase 50, quase lá ;-)

sexta-feira, 12 de julho de 2013 por Bruno Rodrigues Categoria: arquitetura da informação, conteudo, curso, intranet, marketing, portal, treinamento, webwriting

Após doze anos as edições de meus cursos ‘Webwriting’ e ‘Arquitetura da Informação’ estão se aproximando do número 200. Desde o ano 2000 já passei por cidades como Rio de Janeiro, Curitiba, São Paulo, Brasília e Porto Alegre. O calendários de cursos está logo abaixo.

Ao mesmo tempo, o número de empresas para onde prestei consultoria e/ou realizei treinamentos se aproxima da marca de 50 – só este ano já estive em empresas como Globo (G1), Oi e Proteste. São treinamentos e consultorias para equipes, grandes ou pequenas, em projetos ligados a sites e portais na internet e portais corporativos (intranets).

Os cursos a distância também vão de vento em popa: neste segundo semestre realizo mais duas edições de ‘Arquitetura da Informação’ (setembro) e ‘Webwriting’ (outubro). Para quem não tem tempo para viajar ou não quer enfrentar o trânsito das grandes cidades, é uma ótima opção!

E quanto ao terceiro livro da série ‘Webwriting’? Estamos quase lá! :-) Ele está pronto e os originais estão sendo analisados por algumas editoras – em breve devo ter boas notícias!

Em tempo: desde o ano passado tenho produzido uma série de textos sobre Marketing de Conteúdo. Eles estão sendo publicados no Webinsider, no iMasters e na Wide. Para dar um gostinho na boca, reproduzo aqui um deles.

E, para que continuemos em contato, que tal me seguir no Twitter e me acrescentar no Facebook?

Boa semana e bom trabalho!

[]s

Bruno

=========================================

Calendário de cursos

========== Segundo semestre de 2013 ==========

Curso ‘Arquitetura da Informação‘ [a distância]9 de setembro a 14 de outubro (6 aulas, sempre às segundas-feiras)

Será a 2a turma do meu curso ‘Arquitetura da Informação’ a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online! O objetivo do curso é preparar o profissional para lidar com um projeto de Arquitetura da Informação do início ao fim, estudando suas palavras de ordem e os perfis de públicos de busca da informação.

Ementa, datas, valores e informações gerais estão no site do iMasters PRO. Se desejar, envie um email para pro@imasters.com.br

Curso ‘Webwriting’ [Rio de Janeiro] -28 de setembro (sábado – intensivo de 8 horas)

Será a 77a edição no Rio, agora também abordando assuntos  como SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie um email para extensao@facha.edu.br.

Curso ‘Arquitetura da Informação’ [Rio de Janeiro] - 26 de outubro (sábado – intensivo de 8 horas)

O objetivo do curso é preparar o profissional para lidar com um projeto de Arquitetura da Informação do início ao fim, estudando suas palavras de ordem e os perfis de públicos de busca da informação.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie um email para extensao@facha.edu.br.

Curso ‘Webwriting‘ [a distância]31 de outubro a 5 de dezembro (6 aulas, sempre às quintas-feiras)

Será a 5a turma do meu curso ‘Webwriting’ a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online! O foco é, claro, a produção de informação digital, e também serão abordados assuntos  como SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais.

Ementa, datas, valores e informações gerais no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

========== 2014 ==========

Curso ‘Webwriting’ [Curitiba] - 23 de maio (intensivo de 8 horas)

Será a 4a turma do meu curso ‘Webwriting’ em Curitiba, em parceria com o Instituto Faber-Ludens. O  curso, além de abordar os princípios do Webwriting e os elementos da informação para a mídia digital (texto, imagem, áudio e vídeo), apresentará boas práticas em SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade, Mídias Sociais e Storytelling.

Ementa no site do Instituto Faber-Ludens. Se desejar, envie desde já um email para contato@faberludens.com.br.

=========================================

Marketing de Conteúdo

FAÇA SEU CONTEÚDO VALER

Esperar retorno de investimento de um conteúdo produzido ainda é visão de poucos. Não me refiro a conteúdo pelo conteúdo – ‘onde’ ele está, ‘se’ ele é encontrado ou ‘quanto’ se paga por ele. Conteúdo pode e precisa gerar retorno pela informação que transmite.

O que aproxima um conteúdo do que se espera dele? É possível trabalhar aspectos e características que deem à informação uma roupagem mais objetiva, focada – business, mesmo?

Sim, mas é preciso trabalhar na base, na origem da informação. Ao estudar os atributos de um conteúdo – utilidade, consistência, abrangência e perenidade -, é possível encontrar boas soluções:

Utilidade

Quem consome conteúdo digital tem cabeça de buscador: ele quer a informação do jeito que ele pediu e pensou. Nossa tarefa é aproximar esta expectativa do que há a oferecer. O conceito da objetividade em webwriting é muito semelhante à utilidade – se é o que o usuário procura, do jeito que ele quer, então é porque é útil. Não é útil? Você pode (até) trabalhar firulas em camadas de detalhamento – as páginas de ‘veja também’ – mas o tempo que você está investindo em seu trabalho, assim como o que esperam de conteúdos realmente úteis que ainda há para produzir, merece muito atenção, sinceramente.

Consistência

No meio digital vale a informação formatada, embalada, etiquetada. É preciso seguir normas rígidas. Por isso, ao elaborar um conteúdo, não há espaço para criatividade – atenção: na forma, não no (literal) conteúdo.

Se um conteúdo precisa atender a requisitos como usabilidade, SEO, acessibilidade e direito digital, é como uma linha de montagem: cada procedimento precisa ser obedecido para que o produto chegue com a qualidade esperada ao consumidor.

Criatividade? Ah, sim, há no design de um ‘produto’, em suas características, etc. Mas não na forma, na maneira de produzir. Consistência, em conteúdo, depende de obediência a regras – e não é todo mundo que lida bem com isso. Não indico webwriting para estes, portanto.

Abrangência

Quer produz conteúdo deve ter a missão – quase obsessiva – de transformar qualquer informação em referência número 1 dentro de sua área. A melhor e mais abrangente de todas, capaz de alçar qualquer página ao topo do Google. Sem espaço para concorrentes – mesmo.

Abrangência, em informação, é cercar o que de fato importa. Por vezes, o que é relevante em um conteúdo é o ‘como’ e o ‘quando’ da informação, e é dissecando estes aspectos que se atinge a abrangência, a capacidade de atrair para sua página o que o público não encontra em outras.

Ser abrangente não é despejar toneladas de detalhes inúteis no colo de quem irá consumir um conteúdo, mas sim entender que a profundidade de alguns dos aspectos é que pode tornar a informação ampla e imprescindível. Uma informação abrangente não é aquela que cresce para o lado, mas aquela que se aprofunda em pontos minuciosamente selecionados.

Perenidade

Pensar que um conteúdo permanecerá para sempre é realidade – e uma necessidade. A informação que foi elaborada hoje precisa estar preparada para sobreviver, pois estará disponível amanhã (e depois de amanhã). Situe sua informação no terreno do atemporal, tire o ranço – e o vício – do real time do conteúdo.

Pense que está produzindo para a Wikipédia, que seu conteúdo é um verbete. As chances de sobrevivência serão bem maiores – isso sem falar no valor da informação que, com o trato que você estará dando, continuará alto.

—– Cursos presenciais e a distância (2013) e Entrevista sobre hotsites —–

segunda-feira, 22 de outubro de 2012 por Bruno Rodrigues Categoria: Sem categoria, arquitetura da informação, comunicação digital, conteudo, curso, intranet, marketing, portal, treinamento, webwriting

bríndice A querida ex-aluna do curso a distância ‘Webwriting’ Elisabeth Guimarães fez uma excelente entrevista comigo sobre hotsites para a publicação impressa ‘Guia Bríndice’  – o que resultou em um dos melhores bate-papos sobre o tema que tive até hoje.  Não deixe de ler!

Depois, dê uma checada em meu calendário de cursos para 2013 (Webwriting  e Arquitetura da Informação no Rio de Janeiro e Curitiba; Webwriting  e Arquitetura da Informação a distância).

E vamos em frente, sempre! : -)

***********************************************************************

Entrevista para o Guia Bríndice

1. Mesmo considerando uma página do Face como uma base para hospedar informação, comente a novidade da Talent no que diz respeito à informação fixa e estruturada – própria dos sites. Neste caso específico, não encontrei mais a informação que sempre esteve lá.

É preciso entender o meio digital e sua evolução em detalhes para não agir de forma precipitada. Poucas são as novidades que surgem  e tornam-se apenas ‘passageiras’, como muitos desavisados costumar afirmar. As mídias sociais vieram para ficar – mas isso não significa que devemos apostar todas as fichas nestes ambientes, como se fosse possivel trabalhar tudo neles, e ainda desvalorizando outros ambientes, como o site, por exemplo. Equívocos acontecem; mas sempre há a chance de voltar atrás ou recriar ações, sem prejuízo – esta é uma das grandes vantagens do meio digital.

2. Considerando que o Guia Bríndice é um anuário dirigido para profissionais de marketing promocional, comente a respeito dos hotsites construídos exclusivamente para ações promocionais. Como você percebe os conteúdos disponibilizados nesses endereços eletrônicos? A maioria deles fornece informações como os sites e ao mesmo tempo cria ações de relacionamento como as redes. Como podemos classificá-los, já que são tão específicos?

Eles são, sim, chamados de hotsites, embora haja algumas variações de nomenclatura. Eles continuam sendo ambientes onde a informação trabalhada é extremamente persuasiva, e o relacionamento, provocado. Contudo, boa parte do relacionamento acontece fora do ambiente do hotsite, em redes ou microblogs, e não há problema nisso. Os hotsites funcionam hoje como ‘plataformas de lançamento’ onde os usuários consumem informações para depois se relacionarem em outros ambientes.

3. Você acredita que a classificação das camadas, de acordo com a sua metáfora da “Cebola” se aplica aos hotsites promocionais? De que forma? Comente, por favor.

Os hotsites têm poucas camadas de informação; como eles são voltados para o lançamento de evento ou produtos, as mensagens não justificam ambientes complexos ou bojudos. No máximo, hotsites possuem três camadas.

4. Em sua cartilha Cartilha de Redação Web, redigida para o Governo Federal, a respeito do capítulo “A informação além da palavra: Imagem, Áudio e Vídeo”, quais são as suas orientações para que o conteúdo de um hotsite promocional seja publicado a contento? Ou melhor, como imagens, áudios e vídeos podem colaborar com o conteúdo de uma ação promocional?

Outros formatos de informação como imagem, áudio, vídeo e animação (como Flash) são essenciais como parte do conteúdo de um hotsite, muitas vezes mais que o texto.

5. Redatores publicitários experientes conhecem o tipo de texto – discurso publicitário – utilizado para comunicar ações promocionais. Características como persuasão, objetividade, relevância ganham outros sentidos, quando se trata de escrever para a web. Essas características também valem para a redação de textos promocionais que pretendem divulgar campanhas na web?

Sim, os princípios do Webwriting não variam, devem ser seguidos em textos de todos os estilos, seja institucional, comercial, de entretenimento ou noticioso.

***********************************************************************

Calendário de cursos

===== Primeiro semeste de 2013 =====

Curso ‘Webwriting’ [Rio de Janeiro] - 16 de março (sábado – intensivo de 8 horas)

Será a 77a edição no Rio, agora também abordando assuntos  como SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie desde já um email para extensao@facha.edu.br.

Curso ‘Webwriting‘ [a distância]11 de abril a 16 de maio (6 aulas, sempre às quintas-feiras)

Será a 4a turma do meu curso ‘Webwriting’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

Curso ‘Webwriting’ [Curitiba] - 24 de maio (sexta-feira – intensivo de 8 horas)

Será a 3a turma do meu curso ‘Webwriting’ em Curitiba, em parceria com o Instituto Faber-Ludens. O  ‘minicurso’, além de abordar os princípios do Webwriting e os elementos da informação para a mídia digital (texto, imagem, áudio e vídeo), apresentará boas práticas em SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade, Mídias Sociais e Storytelling.

Ementa no site do Instituto Faber-Ludens. Se desejar, envie desde já um email para contato@faberludens.com.br.

Curso ‘Arquitetura da Informação’ [Rio de Janeiro] - 22 de junho (sábado – intensivo de 8 horas)

O objetivo do curso é preparar o profissional para lidar com um projeto de Arquitetura da Informação do início ao fim e também deseja ter contato com ‘feras’ da área.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie desde já um email para extensao@facha.edu.br.

===== Segundo semeste de 2013 =====

Curso ‘Webwriting’ [Rio de Janeiro] - 17 de agosto (sábado – intensivo de 8 horas)

Será a 78a edição no Rio, agora também abordando assuntos  como SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie desde já um email para extensao@facha.edu.br.

Curso ‘Arquitetura da Informação‘ [a distância]9 de setembro a 14 de outubro (6 aulas, sempre às segundas-feiras)

Será a 2a turma do meu curso ‘Arquitetura da Informação’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais em breve no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br

Curso ‘Arquitetura da Informação’ [Rio de Janeiro] - 26 de outubro (sábado – intensivo de 8 horas)

O objetivo do curso é preparar o profissional para lidar com um projeto de Arquitetura da Informação do início ao fim e também deseja ter contato com ‘feras’ da área.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie desde já um email para extensao@facha.edu.br.

Curso ‘Webwriting‘ [a distância]31 de outubro a 5 de dezembro (6 aulas, sempre às quintas-feiras)

Será a 5a turma do meu curso ‘Webwriting’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

— Cursos presenciais e a distância + Entrevista para o Knight Center for Journalism in the Americas —

quarta-feira, 11 de abril de 2012 por Bruno Rodrigues Categoria: Sem categoria

Há algumas semanas, dei uma entrevista para o Knight Center for Journalism in the Americas, um dos mais conceitudos centros de estudo de jornalismo do mundo.

Mais que um orgulho, foi um prazer. Publicada em três línguas – português, inglês e espanhol -, a entrevista foi feita pelo talentoso Eric Andriolo.

Abaixo, publico a entrevista na íntegra. A matéria, que inclui minha entrevista, está no site do Knight Center.

Após ler a entrevista, que tal se inscrever em um de meus cursos presenciais ou a distância? ;-)

A lista dos treinamentos que ofereço, com datas e links para mais informações, está logo após a entrevista, ok?

Até lá! :-)

**************************************************************************

Os cursos

Ano passado iniciei minha parceria com o iMasters PRO em ensino a distância e o primeiro curso oferecido foi ‘Webwriting‘ – um sucesso!

A terceira turma de ‘Webwriting‘ será em outubro; antes disso, em agosto, será a vez de ‘Arquitetura da Informação‘.

Os cursos que comecei a ministrar via iMasters PRO são ao vivo, em vídeo e com recursos como ‘quadro negro’ e chat, que são uma mão na roda e aproximam ainda mais o instrutor dos alunos. Veja logo abaixo algumas informações, ok?

Os cursos presenciais continuam: para quem mora no Rio de Janeiro, os próximos cursos ‘Arquitetura da Informação‘ e ‘Webwriting‘ serão em junho e outubro, respectivamente.

Em Curitiba, o próximo curso ‘Webwriting‘ será em maio, no Instituto Faber-Ludens. Veja o link abaixo.

Seja para ‘Webwriting‘ ou ‘Arquitetura da Informação‘, seja presencial ou a distância, eu aguardo por você!

Até lá!

———————————————————————

Maio de 2012 - Curso ‘Webwriting’ [intensivo] [Curitiba]

Será a 2a turma do meu curso ‘Webwriting’ em Curitiba, na sede do Instituto Faber-Ludens.

O  ‘minicurso’, além de abordar os princípios do Webwriting e os elementos da informação para a mídia digital (texto, imagem, áudio e vídeo), apresentará boas práticas em SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais.

Instituto Faber-Ludens, av. Cândido de Abreu, 140/13° andar, Centro Cívico, Curitiba. Ementa no site do Instituto Faber-Ludens. Se desejar, envie desde já um email para contato@faberludens.com.br.

Junho de 2012 - Curso ‘Arquitetura da Informação: Módulos Básico e Avançado’ [Rio de Janeiro]

O curso ‘Arquitetura da Informação’ agora também inclui os Módulos Básico e Avançado.

O objetivo do Módulo Avançado é preparar o profissional para lidar com um projeto de Arquitetura da Informação do início ao fim e deseja ter contato com ‘feras’ da área.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie desde já um email para extensao@facha.edu.br.

Agosto de 2012 - Curso ‘Arquitetura da Informação” [a distância]

Será a 1a turma do meu curso ‘Arquitetura da Informação’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais em breve no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br

Setembro de 2012 - Curso ‘Webwriting” [a distância]

Será a 3a turma do meu curso ‘Webwriting’ (módulo básico) a distância, ao vivo, em vídeo e via iMasters PRO, um excelente veículo para cursos online!

Ementa, datas, valores e informações gerais no site do iMasters PRO. Se desejar, envie desde já um email para pro@imasters.com.br.

Outubro de 2012 - Curso ‘Webwriting: Módulos Básico e Avançado’ [Rio de Janeiro]

Será a 4a turma do meu curso ‘Webwriting’ – em sua 76a edição no Rio – a incluir o novo Módulo Avançado.

Assuntos que serão abordados no novo módulo: SEO (Otimização para Sistemas de Busca), Usabilidade, Direito Digital, Acessibilidade e Mídias Sociais, todos com foco, é claro, na produção de informação digital.

Faculdades Integradas Hélio Alonso, rua Muniz Barreto, 51, Botafogo. Ementa no site da FACHA, em ‘Cursos de Extensão’. Se desejar, envie desde já um email para extensao@facha.edu.br.

**************************************************************************

A entrevista

1. Como a forma de ler o texto na web se diferencia do meio impresso, e porque essa diferença é tão grande?

A experiência de consumir informação no meio digital é muito diversa da experiência do impresso – a necessidade de atrair atenção é tremendamente maior, pois a dispersão do leitor é sempre uma ameaça. O texto deve ser visto como uma ‘marca visual’ na tela: o visitante de um site não absorve primeiro a informação; o texto é secundário em uma interface gráfica como a de um site. Por isso, é preciso utilizar recursos de atração que atraiam os olhos, facilitem o interesse e a assimilação do texto pelo leitor. Não é uma tarefa fácil.

2. Até que ponto as mudanças na técnica de escrita para a Web podem interferir com o estilo do do redator? Como preservar um estilo próprio num modelo enxuto e rápido como esse?

Em webwriting, ‘estilo’ é algo que você se preocupa depois que conseguiu produzir um conteúdo que atenda todos os requisitos necessários à sua visualização e consumo. Costumo dizer que escrever para ser lido é bem diferente de escrever para ser visto, que é o grande objetivo do Webwriting. Normalmente, quem começa a trabalhar com texto nas mídias digitais esperando realização como redator se frusta. O webwriter é um gestor da informação, antes de mais nada.

3. Quais seriam os pontos gerais mais importantes a se considerar no webwriting?

Há quatro princípios básicos: Persuasão (criar mecanismos de interesse pela informação produzida, e muito além de pensar em um texto ‘bem escrito’, que é condição sine qua non), Objetividade (dar ao usuários os aspectos da informação que o leitor deseja, sem ‘despejar’ detalhes desnecessários), Visibilidade (tentar trabalhar com ‘camadas’ em um site, oferecendo informações aos poucos, porém sem criar uma estrutura muito profunda) e Navegabilidade (usar a informação como recurso de orientação em um site, ajudando o usuário a cruzar informações e produzir conhecimento).

4. SEO é a optimização do conteúdo para se adaptar a mecanismos de busca externos a esse conteúdo. Até que ponto o mecanismo de busca está ditando o conteúdo na web?

Ele dita 100% a produção de conteúdo e este é um caminho sem volta. Achar o conteúdo é tudo o que o usuário da web deseja – e exige. Desta forma, há desafios que precisam ser enfrentados diariamente pelo webwriter. Um exemplo é quando um visitante acessa diretamente uma página dentro de um site que é desdobramento de outras que vieram antes. Como criar contexto para o leitor? Como fazer com que ele entenda o assunto sem ter que acessar as páginas anteriores? Além disso, cada título, cada texto, cada imagem, cada link sugerido deve ser pensado sob o ponto de vista da indexação. Conteúdo bem produzido é conteúdo que já nasce pronto para ser encontrado pelos mecanismos de busca – e por quem busca a informação, portanto.

— Sobre fazer coisas diferentes —

quarta-feira, 9 de novembro de 2011 por Bruno Rodrigues

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Categoria: Sem categoria

Convite_Vendedor_Email

Para que você entenda a proposta deste artigo, vale uma nova apresentação: sou Bruno Rodrigues, 44 anos, especialista em informação para a mídia digital, há 15 anos no mercado, tenho dois livros lançados sobre webwriting – o terceiro a caminho -, elaborei no ano passado o padrão brasileiro de redação online para o Governo Federal e, ao longo de mais uma década, já atendi mais de 40 empresas, entre treinamentos e consultorias relacionadas à redação online e arquitetura da informação. Além disso, este mês lanço meu primeiro trabalho como roteirista de história em quadrinhos.

Oi?

História em quadrinhos?

Eu sei, você deve estar se perguntando: ‘Que p*rra é essa? O que esse cara, com o currículo que tem, a posição que alcançou, a grana legal que deve estar ganhando… está fazendo se enfiando com quadrinhos?

Por isso, eu entendo a cara de paisagem que muitos amigos fazem quando digo que vou lançar meu primeiro trabalho como roteirista de hqs no Festival Internacional de Quadrinhos, que acontece este mês, em Belo Horizonte.

Alhos como bugalhos, parece.

Mas não é bem assim.

Sempre gostei de produzir. Desde que engrenei na área de Comunicação – a bem dizer, em meados dos anos 90, junto com o primeiro bonde de profissionais da internet brasileira -, descobri como era maravilhoso trabalhar e ter prazer ao mesmo tempo.

Antes, achava que uma coisa não se misturava com a outra. Quando me vi produzindo e adorando o que fazia, percebi que era apenas o início.

Eu poderia ter ficado no dia a dia do bom trabalho que consegui na época, mas quis ir além – e fui espontaneamente procurar onde expandir o prazer que havia descoberto.

De uma coluna sobre webwriting em um portal veio o convite para dar aulas, dali a vontade de escrever um livro e a ideia de prestar consultoria. A cada passo dado, o prazer acompanhava o trabalho – como é até hoje.

Por isso, não entendo quem vê produção como sinônimo de ‘trabalho’ – e na pior concepção da palavra.

Ainda estranho quem começa o ano já contando os dias para o próximo feriado, quem acorda na segunda-feira pensando na sexta-feira, quem vê trabalho – e, portanto, produção – como obrigação: aquela atividade diária ‘pé-no-saco’ que você é obrigado a aturar para fazer o que você realmente gosta. O que, na maioria das vezes, passa bem longe de produção.

Eu não encaro desta maneira: ainda quero produzir muito, e trabalhar com informação para a mídia digital é apenas uma parte do que pretendo realizar.

Os quadrinhos me pegaram de surpresa. Nunca fui especialmente apaixonado por hqs, nunca suportei super-heróis, por exemplo. Mas sempre admirei quem levava a sério o assunto, e por isso, ainda criança, autores como Hergé (‘Tintin’) e Goscinny e Uderzo (‘Astérix’) me chamaram a atenção – e deles li tudo, várias vezes.

Deste ‘levar a sério’ o que mais me fascinava era o respeito que os dois tinham ao contar histórias; por mais simples que fosse o tema, havia lógica, criatividade, coerência. O que, já adulto, reconheceria como profissionalismo.

Há cerca de dois anos, totalmente ao acaso, descobri o trabalho dos brasileiros – e irmãos – Fábio Moon e Gabriel Bá. Nos dois, percebi mais uma vez a visão profissional de contar histórias que também me fascina em autores como J.K. Rowling: dane-se o que os ‘outros’ acham, o que importa é o leitor.

De início, achei que o processo de trabalho era o que me interessava, até o início deste ano, quando, ao frequentar um curso de Fábio e Gabriel em São Paulo, percebi que havia encontrado a minha (segunda) turma.

Se eu havia trilhado 15 anos para conseguir chegar até onde havia chegado em Comunicação Digital, era hora de começar mais um caminho, de abrir novas trilhas de produção em outra área – curiosamente, onde o impresso (ainda) impera.

O cara da redação online fazendo quadrinhos de papel. O mundo dá muitas voltas.

Mas o ‘x’ da questão não é o fato de eu ter criado um ‘lado B’ – a bem da verdade, classe A – de produção, mas o fato de ter me proposto a começar do zero em uma atividade onde, por mais que as algumas pessoas já me conheçam de outras praias e comentem – ‘legal, já li seu livro na faculdade’ ou ‘já ouvi falar de você na internet’ –, sou um iniciante, alguém que precisa (e quer) ter a humildade de quem está começando.

Claro que roteiro é escrita, e é justamente nesta área que tenho desenvoltura, mas, acreditem, o buraco de produzir histórias em quadrinhos – no meu caso, para adultos – é muito mais embaixo. E mais: talvez pelo fato de eu ser reconhecido em uma área ‘da mesma família’ (texto), isso aumenta ainda mais a cobrança, principalmente a minha.

Em meados de 2012 publico meu terceiro livro sobre webwriting; no final do segundo semestre, lanço minha segunda HQ. É muito trabalho, muito prazer e, querendo ou não, muita coragem.

E você, já pensou em começar do zero em uma nova atividade?

********************************************************

Se quiser saber detalhes sobre a hq ‘O vendedor de esqueletos’, que lanço este mês juntamente com o desenhista João Henrique Belo, cheque a fanpage no Facebook.

E, ainda em novembro, vou ministrar o curso ‘Webwriting’ em Curitiba, em parceria com o Instituto Faber-Ludens – participe!